O RELATO DESTE CASO FOI RETIRADO EM 05/10/2010